Ex-Bond Girl Eunice Gayson morre aos 90 anos

0

Eunice Gayson, a atriz que interpretou Sylvia Trench em007 Contra o Satânico Dr. No e Moscou Contra 007, faleceu na noite de sexta-feira, 8. O anúncio foi feito pelo Twitter oficial da atriz. “Estamos tristes por anunciar que Eunice faleceu. Uma incrível mulher para todos que a conheciam. Ela fará muita falta”.

Os produtores dos filmes de Bond, Michael G. Wilson e Barbara Broccoli, lamentaram a morte da atriz, a quem chamaram de “nossa primeira Bond Girl”. “Nossos sinceros sentimentos para a família dela”, afirmaram em um comunicado.

Eunice foi a única Bond Girl que participou de dois filmes de Bond e é responsável pela clássica apresentação de James Bond.

Em 007 Contra o Satânico Dr. No ela joga cartas com James Bond no Le Cercle Club Casino. Bond diz: “Eu admiro sua coragem, Miss…”, e ela responde: “Trench, Sylvia Trench. Eu admiro sua sorte mister…?”. 007 então responde: “Bond, James Bond”.

Em 2012, ela relembrou a gravação da cena, que não foi fácil. Sean Connery, então estreante, teve dificuldades. “Ele deveria dizer ‘Bond, James Bond’, mas ele trocava e falava Sean Bond, James Connery. O diretor então mandava cortar”, afirmou. A cena só ficou mais fácil quando o diretor Terence Young sugeriu que ela desse bebida para Connery relaxar.

A personagem deveria ser recorrente na série, mas Guy Hamilton decidiu retirá-la antes de filmar 007 Contra Goldfinger.

007 Contra O Satânico Dr. No © 1962 Danjaq LLC, United Artist Corporation. Todos os Direitos Reservados.

007 Contra O Satânico Dr. No © 1962 Danjaq LLC, United Artist Corporation. Todos os Direitos Reservados.

Apesar de aparecer nos filmes, a voz da personagem não é dela. Como era comum na época, suas falas foram regravadas pela dubladora Nikki van der Zyl.

Além de James Bond, Eunice participou de outras séries de TV britânicas como “O Santo˜, coincidentemente com o futuro 007, Roger Moore, e “Os Vingadores”, que não tem nada a ver com os super-heróis da Marvel.

Sobre o Autor

Bruno Porciuncula

Jornalista e crítico de cinema. É fã de James Bond desde que assistiu "007 Contra o Foguete da Morte" (claro que alguns anos depois de lançado hehehe). Tem tatuado "Live and Let Die" em homenagem ao filme que considera o melhor - pau a pau com "Goldfinger"

Translate »