Sean Connery acompanha semifinal do US Open em Nova York.

1

Sean Connery, o eterno James Bond, acompanhou neste Sábado (8) a semifinal de tênis de seu conterrâneo escocês Andy Murray, durante o US Open em Nova York.

Acompanhado do também escocês Alex Ferguson, técnico do Manchester United, bem-humorados interromperam a coletiva de imprensa do jogador, arrancando sorrisos do campeão: “Desculpe –me por interromper”, disse Connery logo após Murray responder uma pergunta da imprensa.

“A Escócia inventou o vento!”, disse Ferguson, referindo-se às adversas condições do jogo e a maneira com que Andy Murray administrou o vento e dominou o adversário de virada. “Muito bom. Fantástico.”, completou. Sean Connery aproveitou e chamou também Judy, a mãe do jogador e ex-técnica da equipe nacional.

Confira as fotos na galeria:

Após a coletiva, Murray cumprimentou os visitantes ilustres e ainda disse que espera vê-los na final. O jogador disse que ficou emocionado com a torcida de Sean Connery e Alex Ferguson. “É ótimo. Esta é a primeira vez que encontro Sir Alex e a primeira vez que também encontro Sir Sean. É muito legal ter o apoio deles”, disse.

Andy Murray qualificou-se pela segunda vez para a final do US Open ao derrotar o tcheco Tomas Berdych. Aos 25 anos, passa por um ótimo momento na carreira. No mês passado foi campeão olímpico em Wimbledon. █

Sobre o Autor

Avatar

Criador e editor do site James Bond Brasil, Marcos Kontze é jornalista e fã do personagem há 22 anos, desde o lançamento do game "GoldenEye 007" para Nintendo 64 em 1997. Para Marketto (como também é conhecido), o melhor filme da série é "007 - O Mundo Não É O Bastante", o primeiro que assistiu no cinema...sete vezes.

Translate »