MI6 lança comercial para recrutar mulheres e afastar machismo de Bond

0

MI6 está recrutando agentes utilizando comerciais de televisão no Reino Unido. O primeiro anúncio do órgão tenta recrutar mais mulheres e abandonar a imagem machista de James Bond.

A propaganda mostra uma mãe e um filho em um aquário. Um tubarão aparece ameaçadoramente perto do garoto e ele foge assustado, sendo levantado pela mãe. Uma voz diz: “Somos agentes da inteligência, mas não fazemos o que você pensa. Não existimos para manter a calma dos tubarões no tanque, e sim para pegar as pistas silenciosas que são o que importam”. No final, aparece a mensagem “MI6 – secretamente somos como você”.

A agência de espionagem enfatiza que busca pessoas com inteligência emocional, habilidades interpessoais, integridade e criatividade. “Estamos recrutando pessoas que tem habilidades comuns na população”, afirmou a chefe de recrutamento da agência, uma mãe que passou 20 anos no serviço secreto britânico, mas não teve a identidade revelada.

“O MI6 pode tirar proveito da imagem que as pessoas têm de James Bond para, em seguida, transformar a cabeça do candidato sobre o que é a realidade do MI6”, explicou.

Alex Younger, chefe do MI6

O chefe do MI6, Alex Younger, disse que estava tentando atrair os melhores candidatos, incluindo mulheres e membros das comunidades negras, asiáticas e de minorias étnicas que, anteriormente, poderiam não ter considerado a candidatura.

“Trata-se de ter a mais ampla escolha possível dos melhores talentos do país”, afirmou o “M” da vida real. “Quero atingir pessoas que nunca tenham pensado em ingressar no MI6 para que elas passem a querer fazer parte da agência”, completou.

O interesse em ser agente do MI6 surgiu mais recentemente após o ex-espião russo Sergei Skripal e sua filha, Yulia, terem sido envenenados em solo britânico. Os russos foram acusados e as relações entre a Inglaterra e a Rússia segue estremecida.

Sobre o Autor

Bruno Porciuncula

Jornalista, crítico de cinema e criador do blog de viagens A Volta ao Mundo em 80 Filmes (www.avoltaaomundoem80filmes.com.br). É fã de James Bond desde que assistiu "007 Contra o Foguete da Morte" (claro que alguns anos depois de lançado hehehe). Tem tatuado "Live and Let Die" em homenagem ao filme que considera o melhor - pau a pau com "Goldfinger"