Diretor do game “GoldenEye 007” para Nintendo 64 revela curiosidades sobre o jogo.

0

Martin Hollis, diretor do clássico game GoldenEye 007 lançado em 1997 para Nintendo 64 baseado no primeiro filme da série estrelado por Pierce Brosnan fez revelações importantes sobre o game durante a Game Developers Conference que está acontecendo na Alemanha.

Segundo o site NintendoBlast, ele fez algumas revelações interessantes, como a de que o game era para ser semelhante à “Virtua Cop”, lançado para Arcade e Sega Saturn, e que o famoso modo Multiplayer foi produzido sem a aprovação da gerência da Rare e da Nintendo.

Isso foi feito sem o conhecimento ou permissão da gerência da Rare e da Nintendo”, revelou. Ele disse que o modo foi feito em menos de um mês, além de que game já estava atrasado e não haveria maneira de autorizá-lo. Hollis disse também que o game “era para ser semelhante à Virtua Cop em termos de jogabilidade”. O projeto tomou as proporções vistas no resultado final graças aos avanços, que permitiram um número maior de personagens, uma inteligência artificial aprimorada e cenários tridimensionais interessantes.

Martin Hollis também lembrou do personagem Oddjob durante as partidas de Multiplayer, e diverte-se ao falar dele, pois era um personagem pequeno e difícil de atirar. “Para mim, isso é um problema de dinâmica social. Você deve pressionar seu amigo a não usá-lo”, brincou.

Quando questionado sobre alguns “problemas” que são lembrados pelos jogadores, o diretor se referiu a eles como erros que ele gosta. Além disso, revelou que o jogo era para ser muito mais violento, com cenas de morte e mais sangue. Entretanto, a equipe aproveitou para injetar doses de humor no game, como o combate corpo a corpo, as explosões que faziam os inimigos voarem e até mesmo quando acertava um tiro na virilha dos soldados e os mesmos caíam de dor.

15 anos depois, GoldenEye 007 de Nintendo 64 é considerado pela maioria dos fãs de James Bond como o melhor game do personagem já feito. █

Sobre o Autor

Avatar

Criador e editor do site James Bond Brasil, Marcos Kontze é jornalista e fã do personagem há 22 anos, desde o lançamento do game "GoldenEye 007" para Nintendo 64 em 1997. Para Marketto (como também é conhecido), o melhor filme da série é "007 - O Mundo Não É O Bastante", o primeiro que assistiu no cinema...sete vezes.

Translate »