Minissérie “Fleming” estreia na Netflix

0

O novo ano já chega com ótimas notícias para quem é fã de James Bond. Desde o dia 1º de janeiro, a Netflix disponibilizou em seu catálogo “Fleming – The Man Who Would Be Bond”, minissérie que narra a vida do criador de James Bond, Ian Fleming.

"Fleming - The Man Who Would Be Bond" © SKY Atlantic / Divulgação

“Fleming – The Man Who Would Be Bond” © SKY Atlantic / Divulgação

Estrelado por Dominic Cooper e Lara Pulver, o seriado de quatro episódios se passa durante a Segunda Guerra Mundial, quando Fleming foi convocado pelo serviço de Inteligência da Marinha Britânica para trabalhar em uma missão contra os nazistas.

Além dos episódios, também está no ar o Making Of da série, onde equipe e elenco refletem sobre a vida de Ian Fleming e como suas experiências durante a Segunda Guerra influenciaram na criação de James Bond.

O elenco de “Fleming” também conta com Anabelle Wallis (de “The Tudors”) que interpreta Muriel Wright, Samuel West (de “Mr. Selfridge”), como John Godfrey, Almirante da Marinha Real de quem o autor teria tirado algumas características para criação do personagem “M”, o chefe de James Bond. Lesley Manville (de “O Segredo De Vera Drake”) como Evelyn, mãe de Ian Fleming, e Rupert Evans (de “Hellboy”) como Peter, irmão mais velho de IanAnna Chancellor (de “The Hour”) dá vida a Tenente Monday, secretária do Almirante e inspirada na personagem Miss Moneypenny das histórias clássicas de Bond.

Dominic Cooper como Ian Fleming na minissérie "Fleming - The Man Who Would Be Bond" © SKY Atlantic / Divulgação

Dominic Cooper como Ian Fleming na minissérie “Fleming – The Man Who Would Be Bond” © SKY Atlantic / Divulgação

As experiências adquiridas pelo escritor no período em que a série se passa, serviram de inspiração para a criação de James Bond, cuja personalidade é reflexo do seu próprio criador, compartilhando o mesmo gosto pela boa vida, bebidas, mulheres e o estilo de vida de 007.

Produzido pela Ecosse Films, “Fleming” foi escrito por John Brownlow e Don Macpherson, sob direção de Mat Whitecross. █

Compartilhe.

Sobre o Autor

Criador e editor do site James Bond Brasil, Marcos Kontze é jornalista e fã do personagem há 20 anos, desde o lançamento do game "GoldenEye 007" para Nintendo 64 em 1997. Para Marketto (como também é conhecido), o melhor filme da série é "007 - O Mundo Não É O Bastante", o primeiro que assistiu no cinema...sete vezes.