William Boyd

Natural de Gana, William Boyd é o prestigiado autor de obras “Um Bom homem Na África”, pelo qual ganhou o prêmio Whitbread Award de primeira obra em 1981. Entre seus títulos, muitos dos quais adaptou ele mesmo para o cinema ou a televisão, destacam-se também o livro em forma de diário “Any Human Heart” (2002) e o relato de espionagem “Restless” (2006).

Foi o terceiro escritor convidado pela fundação Ian Fleming para escrever um livro sobre o famoso espião britânico, após o americano Jeffery Deaver (Carte Blanche, 2011) e o britânico Sebastian Faulks (A Essência Do Mal, 2008). SOLO coincidiu com o 60º aniversário da publicação de Cassino Royale, o primeiro livro de Fleming.