Morre Shane Rimmer, que participou de três filmes da franquia 007

0

Morreu, aos 89 anos, o ator canadense Shane Rimmer, que participou de três filmes da franquia James Bond, além de ser a voz do comandante Scott Tracy na famosa série britânica Thunderbirds. Não foi revelada a causa da morte.

Shane ao lado de Sean Connery e Jimmy Dean em 007 – Os Diamantes São Eternos © 1964 Danjaq LLC, United Artist Corporation. Todos os Direitos Reservados.

Shane foi o operador de radar em Com 007 Só Se Vive Duas Vezes, interpretou Tom em 007 – Os Diamantes São Eternos e interpretou o comandante Carter em 007 – O Espião Que Me Amava.

Os filmes de Bond estavam entre os momentos favoritos da carreira, segundo entrevista do ator ao The Washington Times. “Algumas das coisas que eu realmente gostei de fazer [foram os filmes de Bond]. Foram esforços menores, mas tive a chance de participar e fiz coisas explosivas”, disse Rimmer.

Shane, já idoso, ao lado da Lotus Spirit de 007 – O Espião que me Amava

O Twitter oficial da franquia lamentou a morte do ator. “Ficamos muito tristes ao saber que Shane Rimmer morreu aos 89 anos. Nossos pensamentos estão com sua família e amigos neste momento”.


O ator também participou de outra importante franquia: Superman. Ele atuou nos três primeiros filmes do homem de aço interpretado por Christopher Reeve. Em cada filme, ele interpretou um papel diferente. Ele ainda apareceu em outros clássicos como Dr. Strangelove, Rollerball e Star Wars IV: Uma Nova Esperança.

Sobre o Autor

Bruno Porciuncula

Jornalista e crítico de cinema. É fã de James Bond desde que assistiu "007 Contra o Foguete da Morte" (claro que alguns anos depois de lançado hehehe). Tem tatuado "Live and Let Die" em homenagem ao filme que considera o melhor - pau a pau com "Goldfinger"

Translate »