Há 22 anos era lançado “007 Contra GoldenEye”

0

007 Contra GoldenEye, o filme que despertou a Bondmania em uma grande geração de fãs, era lançado há exatamente 22 anos. O primeiro filme pós-Guerra Fria e após a queda do muro de Berlim, foi também o primeiro estrelado por Pierce Brosnan no papel, e deu início a uma nova era para o personagem. A revitalização bem-sucedida da série estabeleceu James Bond na década de 1990.

007 Contra GoldenEye © 1995 Danjaq LLC, United Artist Corporation. Todos os Direitos Reservados.

007 Contra GoldenEye © 1995 Danjaq LLC, United Artist Corporation. Todos os Direitos Reservados.

Com a baixa bilheteria de 007 – Permissão Para Matar nos cinemas americanos e as contínuas disputas judiciais enfrentadas pela EON Productions, a pré-produção do até então Bond 17 teve início ainda em 1990, com um rascunho de 17 páginas do roteiro escrito por Alfonso Ruggiero Jr. e Michael G. Wilson. Na época, Timothy Dalton ainda era James Bond, mas os atrasos na produção fizeram com que o ator abandonasse o papel, e a trama que inicialmente se passaria na Escócia, Japão, Hong Kong e China foi deixada de lado.

jbbr_GE20th_PB_June_06_1994Foi então no dia 7 de junho de 1994 que finalmente Pierce Brosnan era anunciado como o quinto ator a interpretar James Bond. Brosnan já estava cogitado para o papel desde 1986 após a saída de Roger Moore, mas seu contrato com a série “Remington Steele” o impediu de ter sua licença para matar. Além de um novo rosto para Bond e um novo futuro para a franquia, a produção decidiu ir mais além e escalou uma mulher para ser chefiar o serviço secreto britânico. Judi Dench foi escalada como “M”, inspirada em Stella Rimington, chefe do MI5 na época.

Para introduzir Bond na década de 90, a MGM deu o cargo de diretor para Martin Campbell, após John Woo recusar a oferta do estúdio. 007 Contra GoldenEye foi o primeiro filme produzido pelos irmãos Michael G. Wilson e Barbara Broccoli, pois a saúde debilitada de Albert R. Broccoli o impediu de trabalhar no filme, ficando apenas com o cargo de consulto da produção. O lendário produtor morreu sete meses após o lançamento do filme.

A história original de 007 Contra GoldenEye foi desenvolvida por Michael France, e reescrita posteriormente por vários outros roteiristas. Depois de France ter entregue seu roteiro original, Jeffrey Caine foi contratado para reescrevê-lo, e manteve muitas das ideias de France, adicionando uma diferente sequência de abertura. Mais tarde, Kevin Wade poliu o roteiro e Bruce Fierstein deu os últimos retoques. Na versão final do filme, os créditos ficaram para Caine e Fierstein, enquanto France foi apenas creditado pela história. Wade não teve seu nome creditado, mas o personagem Jack Wade (interpretado por Joe Don Baker) foi criado em sua homenagem.

007 Contra GoldenEye © 1995 Danjaq LLC, United Artist Corporation. Todos os Direitos Reservados.

007 Contra GoldenEye © 1995 Danjaq LLC, United Artist Corporation. Todos os Direitos Reservados.

Apesar da trama não ter sido baseada em nenhum livro de Ian FlemingGoldenEye é uma homenagem a casa na Jamaica onde ele escreveu todos os romances de Bond. Fleming deu várias explicações sobre a origem do nome de sua propriedade, incluindo o livro “Reflections in a Golden Eye” e a Operação Golden Eye, plano desenvolvido pelo próprio Fleming durante a Segunda Guerra Mundial caso os nazistas invadissem a Espanha.

As filmagens de 007 Contra GoldenEye começaram no dia 16 de janeiro de 1995 e continuaram até 6 de junho. O longa não foi rodado no tradicional Pinewood Studios, pois todo complexo estava sendo usado para o filme “Lancelot, o Primeiro Cavaleiro”, com Sean Connery. No lugar, uma antiga fábrica da Rolls-Royce em Leavesden, Hertfordshire, foi transformada em estúdio e usada para as gravações.

007 Contra GoldenEye © 1995 Danjaq LLC, United Artist Corporation. Todos os Direitos Reservados.

007 Contra GoldenEye © 1995 Danjaq LLC, United Artist Corporation. Todos os Direitos Reservados.

Em Mônaco, a marinha francesa disponibilizou a frigata La Fayette e seu novíssimo helicóptero Tiger para a equipe de produção rodar as cenas por lá. Já as sequências do trem blindado usado por Trevelyan foram gravadas no Nene Valley, locação também usada em 007 Contra Octopussy. Outras locações do filme incluem várias partes de Londres, Monte Carlo, Rússia, Suíça e Porto Rico.

Escrita por Bono e The Edge do U2, a música-tema do filme foi interpretada por Tina Turner. Na época, o grupo Ace of Base também gravou um possível tema, mas a gravadora tirou a banda do projeto temendo um impacto negativo caso o filme fosse um fracasso, o que não aconteceu.

John Barry recusou a oferta para compor a trilha sonora do filme, que acabou ficando a cargo de Eric Serra. O filme também conta com a música “The Experience Of Love” nos créditos finais, baseada em uma pequena composição que Serra havia feito para “O Profissional” um ano antes.

007 Contra GoldenEye começa mostrando os agentes James Bond – 007 (Pierce Brosnan) e Alec Trevelyan – 006 (Sean Bean) em uma missão em uma fábrica soviética de armas químicas. Logo no começo do filme, Trevelyan é morto pelo Coronel Ourumov (Gottfried John), e Bond consegue fugir em uma eletrizante perseguição antes da fábrica explodir.

007 Contra GoldenEye © 1995 Danjaq LLC, United Artist Corporation. Todos os Direitos Reservados.

Nove anos depois, Bond está em Monte Carlo. Lá ele conhece Xenia Onatopp (Famke Janssen), uma misteriosa e sedutora mulher suspeita de fazer parte do sindicato criminal Janus. Xenia mata um almirante da Marinha Real do Canadá e deixa que Ourumov (agora General) roube a identidade do homem. No dia seguinte, ambos roubam um helicóptero Eurocopter Tiger, capaz de suportar um pulso eletromagnético. Bond presencia o roubo, mas é impedido de agir pelos soldados da Marinha.

Eles viajam até um Bunker em Severnaya, na Rússia, onde matam a equipe de cientistas e roubam os controles dos satélites GoldenEye. Xenia e Ourumov programam um dos satélites para destruir o complexo e escapam levando junto com o programador Boris Grishenko. (Alan Cumming). Natalya Simonova (Izabella Scorupco), a única sobrevivente do atentado, contata Boris em São Petesburgo, mas ele a entrega para Janus.

jbbr_GE20th_RC_Valentin_ZukovskyDe volta em Londres, “M” (Judi Dench) envia Bond para investigar o ataque em Severnaya. Ele vai até São Petesburgo e se encontra Jack Wade (Joe Don Baker), um agente da CIA que sugere à Bond contatar Valentin Zukovsky (Robbie Coltrane), mafioso e rival de negócios da Janus. Depois de Bond lhe dar dicas sobre um possível assalto, Zukovsky marca um encontro com Janus.

Onatopp é enviada para matar Bond com sua mortal chave de pernas, mas ele a derrota e faz com que ela o leve até Janus. Bond se encontra com Janus em um parque de estátuas abandonadas, e descobre que Janus é ninguém menos que Alec Trevelyan, seu ex-parceiro no MI6. Descendente dos cossacos, que colaboraram com as forças nazistas na Segunda Guerra Mundial, Trevelyan fingiu sua morte para se vingar do Reino Unido por seu envolvimento na morte de seus pais. No momento em que Bond está prestes a por um fim em Alec, ele é atingido por um dardo com tranquilizantes.

Bond acorda amarrado junto com Natalya no helicóptero Tiger roubado, que agora está programado para se auto-destruir. Eles conseguem escapar, mas são imediatamente presos pela polícia russa e levados até o Ministro da Defesa para interrogatório. No momento que Natalya revela a existência de um segundo satélite GoldenEye e o envolvimento de Ourumov no massacre de Severnaya, impiedoso, o General entra na sala e mata o Ministro. Ele chama os guardas, e foge com ela em um carro, mas Bond consegue escapar antes. Em uma das mais emblemáticas cenas de toda série, Bond rouba um tanque de guerra e vai atrás de Ourumov pelas ruas de São Petesburgo até um trem blindado pertencente a Janus. Bond mata Ourumov mas Trevelyan o prende junto com Natalya dentro do trem. Antes do trem explodir, ela localiza Boris em Cuba, e ambos conseguem fugir.

007 Contra GoldenEye © 1995 Danjaq LLC, United Artist Corporation. Todos os Direitos Reservados.

Já em Cuba, Bond e Natalya encontram Wade e pegam seu avião para tentar localizar o paradeiro de Boris. Enquanto sobrevoam a área, são abatidos por um míssil e Bond poe fim a Xenia. Em seguida, surpresos, Bond e Natalya testemunham a água de um lago ser drenada para revelar uma enorme antena. Eles se infiltram na estação de controle, onde Bond é capturado. Trevelyan revela seu plano para roubar o Banco da Inglaterra antes de apagar todos os dados da transação com o GoldenEye, destruindo assim toda a economia britânica.

Enquanto isso, a perita Natalya programa o satélite para reentrar na atmosfera e consegue destruí-lo. Em uma tensa luta na plataforma da antena, Bond consegue se livrar de seu ex-parceiro, e escapa com Natalya.

Premiere de "007 Contra GoldenEye" em Nova York © The GoldenEye Dossier

Premiere de “007 Contra GoldenEye” em Nova York © The GoldenEye Dossier

007 Contra GoldenEye teve sua Premiere no dia 13 de novembro de 1995 no Radio City Music Hall, em Nova Iorque. No dia 17 de novembro, o filme foi lançado para o público nos cinemas americanos. No Reino Unido, a Premiere aconteceu no dia 22 no Odeon da Leicester Square e além do elenco, contou também com a presença do Príncipe Charles.

A fim de obter uma classificação PG-13 e um maior público nas salas de cinema, o longa teve diversos cortes. Entre eles, um buraco de tiro na cabeça de Trevelyan durante a sequência de abertura, várias mortes adicionais em Severnaya e imagens ainda mais explícitas durante a transa/morte do almirante.

Exibido em 2.667 cinemas nos Estados Unidos, o filme arrecadou mais de US$ 26 milhões em seu final de semana de estreia. Sua arrecadação mundial ficou em US$ 352.194.034, sendo o quarto filme de maior bilheteria naquele ano.

Para saber tudo sobre 007 Contra GoldenEye, não deixe de acessar o site The GoldenEye Dossier, com entrevistas, materiais e imagens exclusivas do filme, e muito mais. █

Compartilhe.

Sobre o Autor

Criador e editor do site James Bond Brasil, Marcos Kontze é jornalista e fã do personagem há 20 anos, desde o lançamento do game “GoldenEye 007” para Nintendo 64 em 1997. Para Marketto (como também é conhecido), o melhor filme da série é “007 – O Mundo Não É O Bastante”, o primeiro que assistiu no cinema…sete vezes.