jbbr_pageheader_04TB

jbbr_pageheader_trailer

jbbr_pageheader_ficha

Título Original: Thunderball
Duração: 130 min
Lançamento: 29 de Dezembro de 1965
Direção: Terence Young
Roteiro: Richard Maibaum e John Hopkins (Roteiro), Kevin McClory, Jack Whittingham e Ian Fleming (História Original)
Produção: Albert R. Broccoli, Harry Saltzman e Kevin McClory
Música: John Barry
Fotografia: Ted Moore
Direção De Arte: Peter Murton
Figurino: Anthony Mendleson
Edição: Ernest Hosler

jbbr_pageheader_elenco

Sean Connery (James Bond)
Claudine Auger (Domino)
Adolfo Celi (Emilio Largo)
Bernard Lee (M)
Lois Maxwell (Miss Moneypenny)
Rik Van Nutter (Felix Leiter)
Desmond Llewelyn (Q)
Luciana Paluzzi (Fiona Volpe)
Molly Peters (Patricia Fearing)
Martine Beswick (Paula Caplan)
Eric Pohlmann e Anthony Dawson (Vozes de Ernst Stavros Blofeld)

jbbr_pageheader_sinopse

O risco de uma catástrofe nuclear nunca esteve tão próximo. Com muitas cirugias plásticas e horas de treinamento, a SPECTRE prepara um homem para se passar pelo oficial François Derval, da OTAN. Piloto de caças que transportam bombas atômicas, o falso Derval irá levar duas ogivas para as mãos dos homens de Blofeld. De posse das armas, a organização criminosa ameaça destruir uma importante cidade da Inglaterra ou dos Estados Unidos caso não receba 100 milhões de libras em diamantes.

Os melhores agentes secretos do MI6 são chamados para a missão, mas James Bond tem uma pista que o levará até as Bahamas e o colocará no caso. O arquiteto do plano macabro é o poderoso Emilio Largo, o #2 da SPECTRE. Ele vive em seu refúgio, a propriedade de Palmyra, na ilha de Nassau. Lá está ancorado o iate Disco Volante, de onde Largo comanda o roubo das bombas. Bond chegará a seus adversários por meio da doce e frágil Domino. Ela é irmã de François e amante de Largo. Quando descobrir que seu irmão foi morto pelos ajudantes do vilão, Domino vai ajudar 007 a descobrir onde estão as duas bombas atômicas e evitar que a SPECTRE conretize suas ameaças. Para vencê-lo, Bond terá de enfrentar verdadeiras batalhas submarinas contra os homens de Largo e, pior, contra ferozes tubarões.

jbbr_pageheader_cuirosidade

  • Existiram cenas com duas versões diferentes no filme. Durante as cenas do jogo de cartas entre Bond e Largo, todas as vozes foram dubladas. Algumas frases foram cortadas como por exemplo, “As coisas que faço pela Inglaterra”, dita por Bond.
  • O Jetpack usado por Bond na sequência inicial, por mais impossível que parecesse na época, já foi recentemente utilizado em um Super Bowl e em um Carnaval no Rio De Janeiro.
  • O Aston Martin DB5 do filme anterior, 007 Contra Goldfinger reaparece com um canhão de água. Como não havia espaço no carro para um tanque, a água teve de ser expelida por um tanque dos bombeiros.
  • A música-tema originalmente seria “Mr Kiss Kiss Bang Bang”, composta por John Barry e Leslie Bricusse, e gravado por Dionne Warwick. Porém os produtores não queriam um tema com título diferente do nome do filme. O letrista Don Black foi chamado, e em um fim de semana Black e Barry compuseram “Thunderball”, que foi gravado pelo cantor galês Tom Jones, que desmaiou ao cantar a nota final.
  • O cantor Johnny Cash compôs um tema para o filme, mas os produtores recusaram.
  • 007 Contra A Chantagem Atômica foi um dos filmes mais vistos na época, cerca de 140 milhões de ingressos foram comprados ao redor do mundo no dia da estréia. O filme teve um faturamento de US$ 141,2 milhões de dólares (US$ 960 milhões ajustado à inflação).
  • Em 1966, o Supervisor de Efeitos Especiais John Stears, ganhou o Oscar por seu trabalho no filme. No mesmo ano, o Desenhista de Produção Ken Adam foi indicado ao BAFTA.
  • É frequentemente citado por fãs como um dos melhores da série.

 jbbr_pageheader_fotos