George Lazenby completa 73 anos.

2

Hoje, George Robert Lazenby, o segundo ator a interpretar o agente secreto James Bond em seu único filme, 007 – À Serviço Secreto De Sua Majestade, completa 73 anos de idade. Natural da cidade de Goulburn na Austrália, atualmente o ator divide seu tempo entre seu rancho na Califórnia e sua casa na Austrália.

George Lazenby foi escolhido para ser James Bond após um encontro ocasional na rua com o produtor Albert R. “Cubby” Broccoli, que o convidou para fazer um entrevista e alguns testes. Antes mesmo de 007 – À Serviço Secreto De Sua Majestade estrear nos cinemas, o ator recusou o filme seguinte, 007 – Os Diamantes São Eternos, alegando que o personagem seria um anacronismo em plena era de Woodstock, embora haja outra versão que diz que o contrato de sete filmes era exigente demais para o ator, que também queria experimentar outros papéis.

Além da arrogância natural, também herdou outra característica de 007: o espírito aventureiro. Durante os intervalos das pequenas produções em que atuou, ele navegou pelo mediterrâneo e participou de competições de carro e de Motocross. Antes de iniciar a carreira de modelo que o consagrou, o ator passou maus bocados na capital inglesa. Segundo ele, o quarto do hotel em que ele se hospedou antes de começar a trabalhar como vendedor de carros, era tão pequeno que “ele tinha de se vestir no corredor”.

Apesar de seu gênio indócil, o ator confessou ter agido erroneamente na época em que atuou como Bond e ter desperdiçado seu passaporte para o sucesso. “Me comportei estupidamente, mas as pessoas têm de levar em consideração que era o meu primeiro filme. Não sou a mesma pessoa que estragou sua carreira anos atrás”, declarou.

George Lazenby chegou na Inglaterra em 1964, coincidentemente no mesmo ano em que Ian Fleming morreria e que Pierce Brosnan, então com 11 anos, também aterrissaria no país. Embora admita ter agido inadequadamente na época em que atuou como agente secreto e confesse ter mudado sua personalidade, Lazenby não segurou a língua ao saber da escolha de Brosnan para interpretar o personagem em 1994.

“Bond é um homem másculo e excelente lutador, capaz de entrar em uma sala e brigar com três homens ao mesmo tempo. Se Brosnan entrar em uma sala, duvido que alguma pessoa ao menos olhe para ele. Porém, estamos nos anos 90 e as mulheres anseiam por um homem diferente, com características femininas. E isto, certamente, Brosnan possui”, declarou. Na época em que foi escolhido para o papel, chegou a dizer: “Sean Connery fez um bom trabalho, mas eu acredito que também posso me sair muito bem. Acatarei as sugestões dos diretores e produtores e pretendo aprender muito com eles.”

Além da fama de esnobe e arrogante, as mulheres que passaram pela vida do ator também lhe atribuíram algumas outras características nada positivas. “Ele só sabe falar da Austrália e pensa apenas em sexo”, disse um dos seus muitos affairs para um jornal inglês na época. Apesar das críticas negativas para a atuação do ator no filme 007 – À Serviço Secreto De Sua Majestade (que para muitos fãs é um dos melhores), o longa foi bastante elogiado pela crítica, que também destacou a atriz inglesa Diana Rigg e as cenas de luta, sem esquecer o roteiro e todo o resto.

Após sua única participação na série, Lazenby teve uma carreira razoavelmente bem-sucedida na televisão, embora tivesse perdido o status de astro famoso. E como curiosidade George Lazenby foi o primeiro ator a realmente dizer a frase “Meu nome é Bond, James Bond”, nos filmes anteriores estrelados por Sean Connery apenas havia sido dito “Bond, James Bond”. █

Compartilhe.

Sobre o Autor

Criador e editor do site James Bond Brasil, Marcos Kontze é fã do personagem há quase 20 anos, quando o game "GoldenEye 007" foi lançado para Nintendo 64. Jornalista e Web Designer, para Marketto (como também é conhecido) o melhor filme da série é "007 - O Mundo Não É O Bastante", o primeiro que assistiu no cinema...sete vezes.

  • http://www.bondgirlpatthy007.blogspot.com Patthy

    Felicidades e mta saúde. Mtos anos de vida

  • Leonardo

    Tem quem não goste, mas eu curto muito o filme 007 A serviço secreto de sua majestade, as cenas de ski são inesquecíveis e Telly Savalas fez um bom papel como Blofeld.