Título original: Moonraker
Gênero: Aventura
Duração: 127 min
Ano de lançamento: 1979
Estúdio: United Artists / Danjaq Productions / Eon
Distribuidora: United Artists / MGM
Direção: Lewis Gilbert
Roteiro: Christopher Wood, baseado em livro de Ian Fleming
Produção: Albert R. Broccoli
Música: John Barry
Fotografia: Jean Tournier
Direção de arte: Charles Bishop e Max Douy
Figurino: Jacques Fonteray
Edição: John Glen

Roger Moore (James Bond)
Lois Chiles (Dra. Holly Goodhead)
Michael Lonsdale (Hugo Drax)
Richard Kiel (Jaws)
Corinne Clery (Corinne Dufour)
Bernard Lee (M)
Geoffrey Keen (Frederick Gray)
Desmond Llewelyn (Q)
Lois Maxwell (Miss Moneypenny)

O agente secreto 007 é encarregado de investigar o misterioso desaparecimento do Moonraker, moderna nave espacial capaz de entrar em órbita e retornar à Terra como um avião. Ela foi emprestada pelos Estados Unidos à Grã-Bretanha e sumiu sem deixar vestígios, quando estava sendo transportada. Convocado pelo MI6 (o Serviço Secreto Britânico), a primeira parada de Bond é na Califórnia, onde estão as Indústrias Drax, que produzem os Moonraker. Ao chegar aos Estados Unidos, o espião vai encontrar a Dra. Holly Goodhead, que na verdade é uma agente da CIA (o Serviço Secreto Americano) infiltrada nas empresas de Hugo Drax.Ela também quer descobrir porque o Moonraker desapareceu.

Após quase morrer nas dependências de Drax, 007 consegue ter acesso aos planos do empresário e segue para Veneza. Na cidade, descobrirá um laboratório clandestino em que é produzida uma nova substância, capaz de levar qualquer ser humano à morte em segundos. Curiosamente, outros animais e plantas não são afetados. Da Itália, ele voa para o Rio De Janeiro. No Brasil, finalmente, o quebra-cabeça da trama terá a última peça encaixada. Drax seqüestrou o Moonraker para completar uma frota paralela destas espaçonaves. Com elas, levará para o espaço as cápsulas de destruição da espécie humana e vários homens e mulheres perfeitos. Em sua mente doentia, os casais serão os pais da nova civilização, do qual Drax será o senhor supremo. Com a ajuda de Goodhead, Bond viajará ao espaço e lá enfrentará o lunático empresário. Para salvar a humanidade.

  •  A idéia inicial era que 007 – Somente Para Seus Olhos fosse o filme seguinte da série 007, mas, devido ao sucesso de “Guerra Nas Estrelas”, os produtores resolveram produzir 007 Contra o Foguete Da Morte antes, já que a história também envolvia uma aventura espacial.
  • A atriz Lois Chiles quase chegou a interpretar a Bond Girl de outro filme da série James Bond, 007 – O Espião Que Me Amava, tendo desistido do papel pouco antes do início das filmagens. A atriz foi contratada para atuar em 007 Contra o Foguete Da Morte após encontrar com o diretor Lewis Gilbert em uma viagem aérea.
  • O personagem Hugo Drax foi inicialmente oferecido ao ator James Mason, que recusou papel.
  • O ator Richard Kiel tem apenas uma fala em suas aparições em dois filmes da série James Bond, como o personagem Jaws. Além de 007 Contra o Foguete Da Morte, o personagem também aparece em 007 – O Espião Que Me Amava.
  • O castelo francês Vaux-le-Viscomte aparece pela segunda vez em um filme da série James Bond. Sua aparição anterior ocorreu em 007 Contra A Chantagem Atômica.
  • Nos créditos do filme aparece que 007 Contra o Foguete Da Morte foi rodado com locações nos Estúdios Pinewood (Londres), Itália, Brasil, Guatemala, Estados Unidos e no espaço sideral.
  • É o 11º filme baseado no agente secreto James Bond